INSS calcula poder recuperar R$ 700 milhões a segurados mortos

O INSS estima poder recuperar perto da metade da perda de R$ 1,2 bilhão com o pagamento de benefícios a aposentados já falecidos. É que entre R$ 600 milhões e R$ 700 milhões ainda não foram sacados por familiares e, assim, poderão voltar para os cofres da Previdência Social. O valor restante não será possível trazer de volta.

O objetivo é recuperar ao redor de R$ 50 milhões a cada mês, mas para isso será preciso aprovar a MP 788, editada em julho e, caso aprovada, capaz de dar respaldo legal aos bancos para devolver o dinheiro  ao INSS.

Fonte: O Estado